imagem alusiva a Segue o teu destino,

Segue o teu destino,

PoetMi.com

Segue o teu destino,

Segue o teu destino,


Rega as tuas plantas,


Ama as tuas rosas.


O resto é a sombra


De árvores alheias.


A realidade


Sempre é mais ou menos


Do que nós queremos.


Só nós somos sempre


Iguais a nós-próprios.


Suave é viver


só.


Grande e nobre é sempre


Viver simplesmente.


Deixa a dor nas aras


Como ex-voto aos deuses.


Vê de longe


a vida.


Nunca a interrogues.


Ela nada pode


Dizer-te. A resposta


Está além dos deuses.


Mas serenamente


Imita o Olimpo


No teu coração.


Os deuses são deuses


Porque não se pensam.



Ricardo Reis in Odes de Ricardo Reis


No poetmi desde

Avatar do autor do poema

Ricardo Reis

Ricardo Reis, um dos diversos heterônimos do escritor português Fernando Pessoa. Segundo seu criador, ele nasceu em 1887, em Portugal, mas se exilou no Brasil a partir de 1919. Monarquista, epicurista, partidário do estoicismo e do paganismo, sua poesia possui traços neoclássicos e tem como principal temática a efemeridade da vida.