imagem alusiva a Pedido

Pedido

PoetMi.com

Pedido

Ontem no baile

Não me atendias!

Não me atendias,

Quando eu falava.


De mim bem longe

Teu pensamento!

Teu pensamento,

Bem longe errava.


Eu vi teus olhos

Sobre outros olhos!

Sobre outros olhos,

Que eu odiava.


Tu lhe sorriste

Com tal sorriso!

Com tal sorriso,

Que apunhalava.


Tu lhe falaste

Com voz tão doce!

Com voz tão doce,

Que me matava.


Oh! não lhe fales,

Não lhe sorrias,

Se então só qu'rias

Exp'rimentar-me.


Oh! não lhe fales,

Não lhe sorrias,

Não lhe sorrias,

Que era matar-me.


Publicado no livro Primeiros Cantos (1846). Poema integrante da série Poesias Diversas.


In: GRANDES poetas românticos do Brasil. Pref. e notas biogr. Antônio Soares Amora. Introd. Frederico José da Silva Ramos. São Paulo: LEP, 1959. v.


No poetmi desde

Avatar do autor do poema

Gonçalves Dias

Antônio Gonçalves Dias foi um poeta, advogado, jornalista, etnógrafo e teatrólogo brasileiro. Um grande expoente do romantismo brasileiro. Filho de um comerciante português e uma mestiça viveu em um meio social conturbado. Em 1862, Gonçalves Dias foi para a Europa para tratamento de saúde. Sem resultados embarcou de volta no dia 10 de setembro de 1864, porém o navio francês Ville de Boulogne em que viajava, naufragou perto do Farol de Itacolomi, onde o poeta faleceu com 41 anos de idade.