imagem alusiva a Antes de ti era a Mãe Terra escrava

Antes de ti era a Mãe Terra escrava

PoetMi.com

Antes de ti era a Mãe Terra escrava

Antes de ti era a Mãe Terra scrava


Das trevas súperas que da alma nascem


E caem sobre o mundo


Porque atrás o sol brilha.



A realidade ao mundo devolveste


Que haviam os cristãos fechado na alma


E as portas reabriste


Por onde Aurora o carro



Ou Febo guie e os dois irmãos celestes


Quando no extremo mastro à noite luzem,


Mais valem que um luzeiro


Na ponta de um pau seco.



Restituíste a Terra à Terra. E agora


És parte corporal da própria terra,


Ou sombra (...)


Erras nas sombras frias,



Mas ao ouvir-te os passos com que auroras


Do abismo os íncolas as tristes fontes


Erguem e sentem deuses


Caminhar pela sombra.



E eis que de nova luz o abismo se enche


E um céu raia a cobrir o absorto fundo


Da fama misterioso


Que traga o fim da vida.




07/11/1918

Ricardo Reis in Odes de Ricardo Reis


No poetmi desde

Avatar do autor do poema

Ricardo Reis

Ricardo Reis, um dos diversos heterônimos do escritor português Fernando Pessoa. Segundo seu criador, ele nasceu em 1887, em Portugal, mas se exilou no Brasil a partir de 1919. Monarquista, epicurista, partidário do estoicismo e do paganismo, sua poesia possui traços neoclássicos e tem como principal temática a efemeridade da vida.