imagem alusiva a Acordo de noite, muito de noite, no silêncio todo.

Acordo de noite, muito de noite, no silêncio todo.

PoetMi.com

Acordo de noite, muito de noite, no silêncio todo.

Acordo de noite subitamente.

E o meu relógio ocupa a noite toda.

Não sinto a Natureza lá fora,

O meu quarto é uma coisa escura com paredes vagamente brancas.

Lá fora há um sossego como se nada existisse.

Só o relógio prossegue o seu ruído.

E esta pequena coisa de engrenagens que está em cima da minha mesa

Abafa toda a existência da terra e do céu...

Quase que me perco a pensar o que isto significa,

Mas estaco, e sinto-me sorrir na noite com os cantos da boca,

Porque a única coisa que o meu relógio simboliza ou significa

É a curiosa sensação de encher a noite enorme

Com a sua pequenez...

Álvaro de Campos in Poesias de Álvaro de Campos


No poetmi desde

Avatar do autor do poema

Álvaro de Campos

O Poeta Álvaro de Campos é um dos mais importantes heterônimos de Fernando Pessoa. Segundo Fernando Pessoa nasceu em Tavira, no extremo sul de Portugal. Estudou Engenharia Naval, na Escócia. No entanto, não exerceu a profissão por não poder suportar viver confinado em escritórios.